Qual é o seu tempo mínimo de atividade física diária? - Vento no Rosto

Vento no Rosto - Produção de Textos e Livros – Fotos e Vídeos

(16) 99119-2552
Vento no Rosto - Produção de Textos e Livros – Fotos e Vídeos

Palavras ao vento

Suzana fazendo aula de pilates

Qual é o seu tempo mínimo de atividade física diária?

Qual é o seu tempo mínimo de atividade física por dia? Essa foi a pergunta que a Suleima Omar me fez quando discutíamos organização da rotina, durante a mentoria que me deu no último trimestre do ano passado. Na hora, não entendi muito bem o motivo da pergunta.

Oras, se seria um dia corrido, não era mais fácil simplesmente pular a atividade física? Sim, seria. Mas o objetivo ali não era optar pelo mais fácil, e sim pelo que me levaria além daquele patamar onde eu estava, o que era um desejo meu.

Inicialmente, sugeri 10 minutos. Esse era o tempo mínimo de atividade física diária estabelecido pela OMS (Organização Mundial da Saúde) para que uma pessoa saísse do sedentarismo. Pois bem, parece fácil.

Mais tarde, fazendo uma pesquisa para um artigo que escreveria, vi que no final de 2020 a OMS publicou novas diretrizes globais sobre atividade física e comportamento sedentário. Aquele mínimo tinha sido alterado. Fui estudar o assunto.

Novas diretrizes da OMS sobre atividade física

As benditas diretrizes da OMS sobre atividade física foram estabelecidas após 10 anos da que estava em vigor. O documento atual foca nos caminhos que devem ser percorridos para obter benefícios significativos para a saúde, mitigando riscos de forma geral.

Um artigo de opinião sobre o tema, publicado no periódico científico The Lancet, aponta que as diretrizes de 2020 da OMS são construídas em uma base de evidências muito maior do que as diretrizes de 2010, e incluem alguns desenvolvimentos importantes.

O documento relata evidências de benefícios como melhoria da cognição e da qualidade de vida, bem-estar mental e melhora do sono, além do que já havia sido incluído nas diretrizes da OMS de 2010, como exemplos de ganho de saúde musculoesquelética e funcional, melhoria na parte metabólica e cardiorrespiratória e auxílio na prevenção do câncer.

E o que determinam as tais diretrizes?

Essas diretrizes especificam um intervalo de 150-300 minutos de intensidade moderada por semana e 75-150 de atividade física de alta intensidade. As diretrizes de 2010 se concentravam em alcançar pelo menos 150 minutos de atividade moderada ou 75 minutos de atividade alta por semana.

Isso significa que os adultos devem realizar até uma hora de exercícios físicos moderados por cinco dias ou cerca de 40 minutos por sete dias, quando não tiver contraindicação. E, minimamente, 30 minutos durante cinco dias ou cerca de 20 minutos todos os dias. Pois bem, meu novo tempo mínimo de atividade física diária estava definido.

Mas para que estabelecer um tempo mínimo de atividade física diária?

Apenas quando comecei o desafio é que entendi o motivo de estabelecer um tempo mínimo diário para atividade física. Para além de todos os benefícios definidos pela OMS – que são muitos e excelentes – vem a questão da criação de um hábito. E era isso que a Suleima estava querendo me ensinar.

Não poderia haver negociação com aquele mínimo. Por mais que minha rotina estivesse corrida, por mais que eu estivesse em um pingo de vontade de me exercitar, eu tinha um mínimo a cumprir. E 20 minutos também não me pareciam assim tão difícil.

Na prática

Duas vezes da semana passada, eu quis fugir da atividade física. Na primeira vez estava um dia frio – em pleno janeiro! Tinha chovido o dia todo, até por isso eu não tinha ido caminhar cedo. E esse era outro ponto do meu desânimo: detesto fazer exercício à tarde. Ou seja, eu tinha três desafios: enfrentar um dia frio, em um período que eu não gosto e sem o mínimo de vontade ou ânimo. Pois bem, eu fui.

Saí de casa dando chute na sombra e preferindo morrer a estar ali. Mas liguei o relógio, e comecei. No caminho tive a grata surpresa de encontrar uma amiga, a quem eu não via havia muito tempo. Caminhamos juntas proseando por longos minutos… muito mais do que o meu tempo mínimo. Aquele foi o dia 14 de janeiro.

A segunda vez que eu tinha vontade de fugir no domingo, 16, dia em que também não me exercitei de manhã. Nesse dia, eu estava menos irritada, mas ainda sem nenhuma vontade de ir, afinal, domingo é dia de descanso, isso é bíblico. Mas eu fui. E não é que fiz mais que 20 minutos?

Conclusão

Sempre que alguém me pergunta sobre a vida de escritora, eu digo: o difícil não é escrever, é sentar-se para escrever. Com a atividade física, senti que é a mesma coisa, o difícil não é o exercício em si, mas o sair para realizá-lo. Por isso é tão importante estabelecer um mínimo, seja ele 10, 15 ou 20 minutos diários. O negócio é criar o hábito de se trocar, colocar um tênis e sair.

Recentemente, assisti uma palestra do Cesar Cielo, campeão Olímpico, com três recordes mundiais, 11 vezes campeão do mundo, em que ele diz que todos os dias vai para a piscina, impreterivelmente, às 7h30. Nem sempre é para treinar, às vezes é para gravar vídeo ou para desenvolver alguma atividade de trabalho, afinal, hoje ele é palestrante, mas o hábito de colocar a sunga e estar ali está consolidado.

E ele complementa: “detesto acordar cedo, detesto água gelada. Mas todos os dias olho para aquela piscina, xingo um pouco por estar ali, mas me pergunto: o que eu realmente quero para a minha vida? Então a resposta vem e eu pulo na água.”

Bem, espero que esse texto seja útil de alguma forma para alguém. Não precisa ser exatamente para estabelecer uma atividade física na vida, mas para realizar qualquer coisa que queremos. É preciso ter constância, mesmo que seja difícil, mesmo que estejamos com dor, mesmo que tenhamos qualquer senão. Se não, vamos ficar para sempre onde estamos.

Agora vamos às fotos

Agora deixo vocês com as fotos dos últimos dias… incluindo duas de atividade física, atendendo a pedidos. 😁

Para facilitar, fiz uma tabelinha assim:

  • 10 e 11 de janeiro (segunda e terça) – caminhada – relato neste artigo
  • 12 de janeiro (quarta) – Pilates (foto na bola)
  • 13 a 16 de janeiro – (quinta a domingo) – caminhada (print do app)
  • 17 de janeiro (segunda) – Pilates (foto de blusa cinza)

 

 

Uma resposta para “Qual é o seu tempo mínimo de atividade física diária?”

  1. Muito bom esse artigo. Nunca tinha pensado que o difícil e “decidir fazer”. Uma vez decidido, o resto é mais fácil. Tudo nesta vida tem a ver com a escolha, a decisão. Gostei!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Receba Nossas Novidades

Cadastre-se para receber as nossas novidades e dicas.

Contato


    Endereço

    São Carlos - SP

    Telefone

    (16) 99119-2552

    Email

    suzana@ventonorosto.com.br

    andre@ventonorosto.com.br