O projeto em prática - da geladeira para a internet

Vento no Rosto - Produção de Textos e Livros – Fotos e Vídeos

(16) 99119-2552
Vento no Rosto - Produção de Textos e Livros – Fotos e Vídeos

Palavras ao vento

O projeto em prática – suflê de chuchu

A Julia Child não deu muita bola para o projeto em prática da Julie Powell. E olha que no início da década de 2000, escrever um blog era uma baita novidade. Hoje em dia, muita gente tem um blog ou um site, sem contar as redes sociais, que viraram lugar comum. Mesmo assim, eu acho que a Rita Lobo ficaria feliz se soubesse desse projeto. Ela sempre diz que o seu maior objetivo é incentivar que a gente vá para a cozinha.

Com a pandemia, isso se tornou quase obrigatório. Estar na cozinha, muitas vezes, era a única alternativa para almoçar ou para sobreviver. Não foi à toa que aumentaram as vendas de eletrodomésticos, as pessoas começaram a perceber que o fogão estava velho, as panelas estavam gastas ou que precisavam de uma frigideira nova. E tem gente procurando a sua tampa até hoje, afinal, com o distanciamento social ficou mais difícil encontrar.

Mas enfim, tudo na vida passa e isso também vai passar. Hora dessas ainda vou poder convidar muitas pessoas para degustar essas receitas. Já vi gente se candidatando lá nas redes sociais. E já topei! Só não vai ser para comer suflê de chuchu, porque essa receita já foi. Aliás, foi a primeira!

Escolhi o suflê porque aquela textura aerada unida à temperatura quentinha era tudo o que o Dex e eu precisávamos para aquela terça à noite. A sensação de cada porção se desmanchando na boca, era como se estivéssemos experimentando um bocado de nuvem… parecia um pedacinho do céu.

O suflê de chuchu foi a bola da vez também por outro motivo… era preciso iniciar.

receita-sufle-chuchu
Foto: Dex Camargo

O projeto em prática… e não é que foi?

Há muito tempo eu tinha vontade de colocar esse projeto em prática e revelar de vez a Julie Powell que há em mim. Talvez, desde que assisti ao filme pela primeira vez! Mas apenas com o incentivo do Dex, resolvi levar a sério o desafio. Inicialmente, eu tinha pensado em começar em abril, porque assim eu teria concluído o livro que estou escrevendo.

Sim, eu estou escrevendo um livro… faz dois anos! E tem até trailer!! O projeto inicial era para que fosse uma obra de 250 páginas… mas já deve estar com quase 400! Hoje já tem 300 diagramadas, mas ainda há dois capítulos para serem inseridos. Os textos, glória a Deus, já estão finalizados! Ao todo, serão quase 200 biografias de engenheiros agrônomos formados em 1970 na ESALQ. Mas essa é outra história.

O fato foi que, na manhã do dia 23 de março eu tive um insight: procurar uma data comemorativa para iniciar o projeto. Digitei no Google: “aniversário da Julia Child”, e vi que tanto o nascimento, quanto o falecimento dela foram em agosto; muito longe! Eu queria um projeto para agora. Então escrevi lá: “aniversário da Rita Lobo”: setembro! Só foi legal porque vi que somos do mesmo signo. 😬

Então, digitei: “aniversário do Panelinha”, o site-produtora-editora criado pela Rita Lobo. E então, apareceu: 23 de março! Naquele momento, entendi que o meu insight foi, na verdade, uma inspiração. E pensei: não posso deixar passar. Por isso, escolhi o que tinha na geladeira para começar.

O suflê de chuchu

sufle-chuchu
Foto: Dex Camargo

Naquele dia eu estava bem cansada e a casa estava meio bagunçada. Havia uma preocupação intensa em minha cabeça por causa do livro dos agrônomos. Pensei: ou o suflê vai desandar ou vai me ajudar. Foi dito e feito. Adivinha?

O preparo tem várias etapas e inclui um roux, claras em neve e um creme delicioso de chuchu. Deu vontade de parar ali. Fiz questão de fazer a mise em place, não só para a foto, mas porque sabia que o processo de organização externo me ajudaria na organização dos pensamentos. E também porque “mise em place” é francês, acho chique! E, você sabe, amo esta língua… faz tempo!

Eu até poderia me sentir em Paris com a neve das claras, se não fosse o calor infernal que fazia naquele dia. É eu sei, a França tem dias muito quentes, mas é o clima frio que me faz lembrar de lá.

E conforme fui fazendo a receita e vendo aquilo tudo se transformar, pensei em todas as coisas que se transformam na vida. E pensei também em nossa capacidade de transformação. Foi aí que lembrei daquela transformação da água em vinho e percebi que o meu vinho ainda estava na taça. Era hora de beber e desligar o computador.

A primeira receita estava feita!

 

 

2 respostas para “O projeto em prática – suflê de chuchu”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Receba Nossas Novidades

Cadastre-se para receber as nossas novidades e dicas.

Contato


    Endereço

    São Carlos - SP

    Telefone

    (16) 99119-2552

    Email

    suzana@ventonorosto.com.br

    andre@ventonorosto.com.br